Bebê   Bebês fofinhos
Nomes de Bebê...
spacer
Menina
Menino

Em Destaque

Otites nas crianças

Amamentação Cuidados a ter com os mamilos

Dicas para deixar a chupeta

Sono do bebê É fundamental criar uma...

Autismo Infantil

Pré-eclampsia uma complicação grave

Cuidados a ter com a mãe após o parto

   
spacer  

Bebês

Síndrome de Morte Súbita do Lactente (SMSL)

bebê a dormirA síndrome de morte súbita do lactente consiste na morte inesperada de um bebê, aparentemente saudável, com menos de um ano de idade, que ocorre durante o sono e que se mantém inexplicada,  mesmo depois de uma completa investigação, incluindo a sua autópsia.

Esta síndrome continua a ser a maior causa de morte entre os bebês. O pico de incidência dá-se entre os 2 a 4 meses e, cerca de 95% dos casos ocorre até os 6 meses de idade. Também se verificou que é mais frequente nos bebês de sexo masculino, nos bebês de raça negra, nos meses de inverno, em casa e durante o sono.

Ainda não se sabe qual ou quais as causas de morte, mas pensa-se que se deve a um conjunto de factores endógenos, factores exógenos e de hereditariedade. De seguida, são enumerados alguns factores de risco associados à esta síndrome, e também, medidas a tomar para diminuir o risco.

São considerados factores de risco relacionados com o bebê, propriamente dito:

  • Índice de Apgar <6, ao fim de 5min de nascido;
  • Bebês com baixo peso ao nascimento;
  • Bebês sujeitos a cuidados neonatais, como no caso de prematuros ou bebês com algum tipo de insuficiência;
  • Em gémeos;
  • Bebês com anemia ou displesia broncopulmunar.

São considerados factores de risco relacionados com a mãe:

  • Idade inferior a 20 anos;
  • Fumadora;
  • Álcool e drogas de abuso;
  • Anemia.

Outros:

  • Raça;
  • Sexo;
  • Estatuto sócio-económico;
  • Falta de amamentação;
  • Posição do bebê no berço, ao dormir;
  • Ambiente sobreaquecido e/ou bebê muito agasalhado;

Medidas preventivas que se podem implementar:

  • Colocar o bebê, no berço, deitado de costas (posição decúbito dorsal);
  • Manter quarto arejado, sem estar sobreaquecido;
  • Não agasalhar nem cobrir em demasia o bebê (não tapar cabeça/cara);
  • Usar um colchão firme e que encaixe perfeitamente na cama;
  • Fixar fortemente a roupa de cama;
  • Não use edredões nem deixe brinquedos na cama, por muito fofinhos que sejam;
  • Mantenha o bebê num ambiente livre de fumo (antes e após nascimento);
  • Se possível, amamente o seu bebê.

 

 


spacer


 

Veja também

Artigos em destaque

Sono do bebê – É fundamental criar uma rotina!

O Patinho feio

O desejo de ser mãe (e pai!)

White Noise prejudica o cérebro do bebê?

Otites nas crianças

A galinha dos ovos de ouro

A pequena Sereia

Pré-eclampsia – uma complicação grave

Stress nos filhos provocado pela ansiedade dos pais

Cuidados a ter com a mãe após o parto

As crianças e a televisão

Chupetas e tetinas: Látex ou silicone?

Autismo Infantil

A história do Eu, do Tu e do Ele

Amamentação – Cuidados a ter com os mamilos

Dicas para deixar a chupeta

A Família como base emocional e educacional da criança





 

 

 

 

 

Política de Privacidade